Compartilhar

255068_509311_tml_unity_1__2_ Que tal brindar em uma caneca típica de uma autêntica cerveja belga em prol da amizade entre diferentes culturas, como por exemplo, russos e australianos ou mexicanos e cubanos dançando juntos em prol da música e celebração?

Ver bandeiras da Suécia e da Dinamarca hasteadas ao lado de um finlandês, e poder compartilhar de um croissant francês junto com vizinhos espanhóis na Dreamville é algo que só é possível no maior festival internacional do mundo.

O Tomorrowland reúne todos os anos dezenas de milhares de pessoas das mais diferentes nacionalidades no Parque De Schorre, na cidade de Boom, na Bélgica para viver a magia e diversidade durante os três dias de evento. Só na 1 °edição no Brasil, o festival contou com fãs vindos de 69 países diferentes, e na edição belga este número ultrapassou o dos Jogos Olímpicos.

Na semana passada, o secretário das Nações Unidas Ban Ki-Moon deixou uma mensagem de prosperidade gravada em um quadro de madeira fixado na ponte One World, localizada no Parque Nacional De Schorre, construída especialmente para a ocasião. Outras pontes como esta serão construídas com diversas mensagens do mundo todo e serão transmitidas via satélite para as duas capitais. Neste ano o Tomorrowland acontece dia 24, 25 e 26 de julho e no sábado, dia 25, será transmitida ao vivo a 11a edição do festival, na Cidade do México e Mumbai, na Índia. Vale lembrar que São Paulo recebeu a transmissão ao vivo da edição especial de 10 anos, onde o francês David Guetta anunciou as datas da estreia do evento no Brasil. O intuito é aproximar dezenas de milhares de pessoas de dois continentes diferentes para viverem uma experiência mágica unindo-se aos fãs do mundo inteiro.

[youtube id=”qY0sX7IziRA” width=”620″ height=”360″]

Comments

comments

Compartilhar

Deixe uma resposta