indústria-da-música-eletrônica-em-ascensão-no-brasil-revista-backstages

Se você é amante de música eletrônica, já deve ter percebido, que os eventos e festivais estão vindo com tudo no Brasil. Os festivais estão tomando cada vez mais ascensão, e trazendo um público exorbitante. E essa galera não está se importando muito em quanto custa não – mas óbvio que, dói no bolso- porém quem gosta mesmo, só quer carregar as experiências pra vida!

De acordo com um estudo levantado, essa indústria movimenta cerca de R$ 3,1 milhões no Brasil – ISSO MESMO – O público cresceu cerca de 56,64%, chegando a 19,5 milhões de pessoas, devido ao grande aumento de festivais e turnês de artistas internacionais. Mas não é só a galera da gringa não. Estamos sendo muito bem representados por nossos Djs e produtores brasileiros, um exemplo claro, é o ALOK. Que neste ano fez sua aparição, no não menos, mais conhecido festival de eletrônica do mundo, no main stage do TOMORROWLAND na Bélgica. A despesa com os cachês dos DJS aumentou cerca de 79,9%, atingindo R$ 97,8 milhões, somando os principais eventos realizados no país. São Paulo (SP), ainda é o estado que maior abriga os festivais e clubs.

E além de vir ganhando força no Brasil, a cena também vem ganhando espaço, porque até no Rock In Rio, – que acontece no próximo mês, setembro, no RJ – foi destinado um palco
só para música eletrônica. O palco deste ano vai abrigar um espaço maior e uma cenografia nova. – O novo projeto vai trazer um espaço de 1.351 metros quadrados e a cabine do DJ será mais próxima do público – e esse ano entre as atrações confirmadas estão Cat Dealers, Vintage Culture, Flow e Zeo, Gabriel Boni, entre outros. O line up completo, você pode conferir aqui.

 

Pra você que quer saber mais sobre os principais festivais que andam acontecendo no Brasil, confira uma lista abaixo com 5 festivais que valem a pena conhecer:

XXXperience Festival

indústria-da-música-eletrônica-em-ascensão-no-brasil-revista-backstages

O XXXperience Festival é um pioneiro entre os festivais de música eletrônica brasileiros. Chegando à sua edição especial de 21 anos, o festival foi eleito duas vezes consecutivas o “Melhor Festival do Ano”, em 2012 e 2013 na votação popular do Guia Folha, da Folha de S. Paulo. O festival já contou com a apresentação de grandes nomes de peso da música eletrônica mundial, como Hardwell, David Guetta, Armin Van Buuren, Dimitri Vegas & Like Mike, Zedd, W&W.

Onde: Itú – SP

TRIBE

industria-da-musica-eletronica-em-ascensao-no-brasil-revista-backstages

A Tribe, um dos mais importantes festivais do Brasil, já teve mais de 50 edições espalhadas em diversos estados brasileiros. É um festival com público fiel e uma excelente reputação, e não é à toa. Todas as edições do festival foram muito elogiadas pelo público e pela imprensa. Sua edição, em maio de 2014 na Arena Maeda, contou com a presença de mais de 30 mil pessoas com um line impecável de mais de 50 artistas das mais diversas vertentes, como por exemplo Martin Garrix, Showtek, Yves V, DVBBS, Astrix, Berg e FTampa.

Onde: Itú – SP

Universo Paralello

industria-da-musica-eletronica-em-ascensao-no-brasil-revista-backstages

O festival acontece com um intervalo de dois anos entre suas edições, sempre na virada do ano. São 9 dias de muita música eletrônica, cultura e arte que reúnem milhares de pessoas de todo o mundo, mas a verdadeira atração do festival é, com certeza, o local onde é realizado. Um festival, com certeza, para se começar com o pé direito. O evento ocorreu entre 2016 e este ano nos dias 27 de dezembro de 2016 ao dia 3 de janeiro de 2017.

Onde: Praia de Pratigi – BA

Mandallah

industria-da-musica-eletronica-em-ascensao-no-brasil

O festival que acontece na divisa do estado de Minas Gerais e São Paulo, comemorou em 2011 seus 11 anos, e esse ano acontece mais uma edição, no dia 14 de outubro, dividido em 3 palcos. O evento pra quem curte um bom trance e natureza é perfeito.

Onde- Sede Campestre – MG

 

PLAYGROUND MUSIC FESTIVAL

industria-da-musica-eletronica-em-ascensao-no-brasil

O festival que teve seu início em 2005 em Goiânia, já contou com mais de 70 edições, em distintas cidades, como Rio de Janeiro, São Paulo, Porto Alegre, Fortaleza, Belo Horizonte, entre outras. O diferencial deste festival, é que ele une, música, entretenimento, diversão e cultura. E a cada edição vem sempre inovando e mexendo com a imaginação do público. É um grande parque de diversões mesclado com muita música eletrônica. Já recebeu mais de meio milhão de pessoas e é alvo de boas críticas. E ele já tem data marcada para acontecer esse ano, no dia 16 de dezembro no RJ.

Onde: Santo Aleixo – RJ

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here